domingo, 13 de agosto de 2017

Difícil amor...

Garoeiro – Natal, RN, 13 de agosto de 2017.

















Em todo o astral sofrido, trabalhado,
Neste mundo que só dinheiro anima,
Amor, contra viver desanimado,
Dá que a potência interior se exprima.

Só que jogo de amar e ser amado,
Impõe que o desejo se reprima,
E encontrar hoje assim, no resultado,
Até amar sem amor conforme o clima.

Mas o anseio é se amar quanto puder,
E a sensação é inteiramente boa,
No embalo para o que der e vier.

A ver, após o fim, por mais que doa:
Ninguém ama no que o coração quer,
Amamos resistindo ao que magoa...

Nenhum comentário:

Postar um comentário